Ajustando os ranges em Torneios “Turbo” – Parte 1

Ajustando Ranges
Compartilhe:

Fala, Jogador!

Tudo bem?

Temos boas séries de torneios online chegando. Do final de agosto em diante acontece, no 888poker, “Campeonatos de Verão”, com buy-ins mais baixos e garantidos melhorados. Logo em seguida começa a tradicional Super XL Series. E no PokerStars teremos a grandiosa WCOOP (World Championship of Online Poker).

Eu vou jogar alguns desses eventos e focar nos torneios turbo. Já contei no meu primeiro post que são os meus torneios favoritos.

Você pode pensar que eu seja baralhão, hehehe. De fato, nos turbos você terá que se expor ao baralho com uma enorme frequência, por isso é essencial você dominar uma matéria técnica chamada RANGE.

Vou falar um pouco de Ranges de Push (all-in), de Call e Raise/fold.

Conteúdos sobre Range são muito densos, poderíamos falar de ranges de open-raise, de Flat-call, de 3-bet, de flat em 3-bet, etc.. Mas vou focar aqui apenas nos 3 primeiros tópicos, que são os mais importantes na fase final de um torneio turbo, quando os Blinds estão altos e os Stacks apertados.

Range de Push

São todas as mãos que iremos de all-in para roubar os blinds ou buscar dobrar nosso stack. Claro, sempre observando a questão matemática do Poker, para esse Push se tornar lucrativo.

Nesses casos vamos observar:

Tendo essas informações em mente vamos ajustar o nosso range de Push. Calcular todas as probabilidades para descobrir se esse all-in tem expectativa lucrativa no longo prazo de cabeça é complicado, por isso usamos duas ferramentas para estudar essas situações.

A mais completa delas é o ICMIZER, pretendo falar dela em outro post ou em vídeo. Com o ICMIZER você consegue formatar toda uma situação real de jogo, definir o seu range, os ranges dos adversários e descobrir se vai ganhar fichas no longo prazo (chip EV+). O “ruim” é que gratuitamente só conseguimos criar 3 spots por dia, se quiser ir além disso você terá que assinar.

Uma solução gratuita muito boa, mas menos poderosa que o ICMIZER, é o Equilab. Nela conseguimos comparar a equidade de certas mãos contra determinados ranges.

Fica a dica de estudo, abuse dessas ferramentas, elas te ajudarão fortemente na sua percepção do jogo, antes de conhecê-las eu deixava passar Spots que eram muito lucrativos ir de all-in.

Como no exemplo:

Tenho 64off no Small blind, com 9BBs, o Big blind é um jogador recreativo com 12BBs.

Esse é um bom Spot para ir de all-in e coletar os blinds/antes. Alguns vão achar que é absurdo ir de all-in colocando o torneio em risco com 64off, mas acredite, definida a condição acima é uma jogada matematicamente lucrativa. Vejamos:

Embora tenha muita cara de roubo, e de fato seja, nosso adversário com esse perfil não pode e não vai nos pagar com um range muito amplo. Vamos primeiro definir o range de Call dele (veremos mais sobre range de call na parte 2 desse artigo).

Mesmo prevendo que seja roubo, ele vai pagar nosso All-in com algo perto de 32% do range dele. Consideramos o range de call desse adversário em:

Qualquer Par; (78 combinações de mãos)
Qualquer Às; (+192 combinações de mãos)
Todas as Broadways restantes; (+96 combinações de mãos)
K9, K8 e K7 (+48 combinações de mãos)

Ou seja, de um total de 1.326 combinações possíveis de mãos de Texas Hold’em ele vai nos pagar quando receber alguma das 414 combinações possíveis acima e foldar com as outras 912 (+ de 2/3 das vezes).

Já temos grande Fold Equity até aqui e no outro terço das vezes que tomarmos call, para esse range dele, ainda teremos 33% de chance de ganhar a mão:

equilab
equilab

“Sagaz, você tá me dizendo que se eu der all in com 64off nesse spot meu adversário vai foldar mais de 66% das vezes e quando ele me pagar nossa mão ainda terá equidade suficiente para ganhar uma em cada três vezes?”

Isso mesmo, com esse Push você vai ganhar mais fichas do que perder no longo prazo! Quantos Spots como esse você já deixou passar?

icmizer
icmizer

Se essa jogada é boa com 64off que é nosso botton range, ela serve para 100% do nosso range tb, como mostra o ICMIZER.

Eu poderia ilustrar mais centenas de SPOTS aqui, mas agora é hora de você meter a mão na massa, baixar essas duas ferramentas, começar a definir ranges de Push por posição/stack e estudar o jogo.

Espero que esse post te ajude a enxergar oportunidades. No Poker, quem ganha mais é quem explora mais.

Essa foi nossa primeira parte do post, agora vamos para Parte 2 ver os ranges de call e raise/fold. 

Abraços.

João Duque
João Duque
, 30 anos, Empreendedor, Brasiliense. Dedica parte do seu tempo ao grind e estudo dos “Torneios Turbos”, é Sócio-Diretor do Brasil Poker.

sagaz@brasilpoker.com.br | Facebook | Instagram

 


Compartilhe:

About João Duque

João Duque, 31 anos, Empreendedor, Brasiliense. Dedica parte do seu tempo ao grind e estudo dos “Torneios Turbos”, é autor do E-book - Lógica do Poker: Decifrando "Valor e Blefe", e é Sócio-Diretor do Brasil Poker.

View all posts by João Duque →

Deixe seu comentário: